Prosap executa atualização cadastral na região do Igarapé Guanabara

Previous
Next

Como parte essencial das etapas de trabalho para o desenvolvimento do Projeto de Revitalização do Igarapé Guanabara e melhoria da qualidade de vida da comunidade local, equipes técnicas do Programa de Saneamento Ambiental, Macrodrenagem e Recuperação de Igarapés e Margens do Rio Parauapebas (Prosap) realizam a atualização cadastral de famílias e empreendimentos comerciais na área conhecida como Baixada Fluminense e suas redondezas, entre os bairros Rio Verde e Da Paz.

Essa ação é crucial para a conclusão do Plano Específico de Reassentamento (PER), um documento orientador das soluções que o programa proporcionará às famílias impactadas direta ou indiretamente pelas obras de revitalização do Igarapé Guanabara, com início previsto, ainda, para o segundo semestre de 2024.

Segundo Eulalia Almeida, subcoordenadora social do programa de saneamento, as informações obtidas durante a atualização cadastral complementam os dados coletados em um amplo trabalho semelhante realizado em 2023. A equipe envolvida na ação inclui assistentes sociais, entrevistadores sociais, sociólogos e engenheiros, estes últimos, encarregados da medição e detalhamento das características físicas dos imóveis.

“Efetuamos um levantamento de dados tanto social quanto de engenharia, fundamentais para o progresso do projeto de revitalização do Guanabara. Somente após a conclusão dessas etapas será possível dar início às obras”, explica Eulalia, ressaltando que após a finalização do PER serão organizadas consultas públicas para esclarecer às famílias e aos empreendimentos comerciais afetados, quais as soluções propostas pelo Prosap.

Edimilson dos Santos, autônomo residente na Rua Sol Poente, próximo ao Igarapé Guanabara, relata os desafios enfrentados durante os períodos de chuvas intensas: “A área costuma alagar muito. Na minha casa, não chega a entrar água, mas em muitas casas vizinhas sim, e testemunhamos o sofrimento que tudo isso causa”.

O morador também expressa a sua confiança de que a obra de revitalização, juntamente com a construção de áreas de lazer, levará a uma redução na poluição do Igarapé Guanabara, fator que contribui para o transbordamento das águas. “Esta obra é extremamente necessária”, lembra Edimilson.

Texto/Fotos: Karine Gomes

Todos os Direitos Reservados PROSAP 2023